MAPA DO SITE ACESSIBILIDADE ALTO CONTRASTE
CEFET-MG

Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas (PPGAeS)

A seguir, estão disponibilizadas algumas informações básicas sobre o Mestrado Profissional em Automação e Sistemas. Uma vez concluído o trâmite interno de criação do curso, as informações sobre o curso  (PPGAeS) serão disponibilizadas em um site hospedado na página da DPPG (Diretoria de Pesquisa e Pós-graduação).

RESOLUÇÃO CPPG – 007/2020, DE 9 DE JULHO DE 2020 – Aprova o projeto do Curso de Mestrado Profissional em Automação e Sistemas do Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas – CLIQUE AQUI.

RESOLUÇÃO CEPE-06/20, de 24 de agosto de 2020 – Homologa a Resolução CPPG-007/20, de 9 de julho de 2020, que aprova o projeto do Curso de Mestrado Profissional em Automação e Sistemas do Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas, anexa e parte integrante desta resolução – CLIQUE AQUI.

RESOLUÇÃO CD-024/20, de 25 de agosto de 2020 – Autoriza o início do curso de Mestrado Profissional em Automação e Sistemas do Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas, a partir do ano de 2021, Campus Leopoldina. Aprova a oferta anual de 20 (vinte) vagas para o curso de Mestrado Profissional em Automação e Sistemas do Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas – CLIQUE AQUI.

Perfil do Egresso

O PPGAeS, Programa de Pós-Graduação em Automação e Sistemas do Campus Leopoldina, do CEFET-MG, tem como principal objetivo formar um profissional nas áreas de: i) Internet das Coisas e ii) Controle, Instrumentação e Sistemas Inteligentes, capaz de desenvolver soluções tecnológicas, científicas, econômicas, sociais e ambientais para a indústria. Nesse sentido, o profissional deverá possuir um conhecimento teórico, prático, científico e tecnológico, bem como habilidade, senso crítico e criatividade, para que possa gerar tecnologias e atender às necessidades compatíveis com o modelo tecnológico atual, principalmente na sua região, baseado nos interesses da comunidade e na integração desta com o restante do mundo. O profissional também deverá ser capaz de agir de forma ética, a partir da análise dos problemas do mundo ao seu redor.

Espera-se que ao concluir mestrado o aluno seja capaz de atuar com propriedade em pelo menos uma dessas áreas:

  • Desenvolvimento de ferramental baseado em métodos e técnicas para automação de processos e análise de grandes volumes de dados;
  • Desenvolvimento de aplicações e serviços IoT, considerando técnicas e mecanismos de segurança;
  • Desenvolvimento de técnicas de controle e sistemas inteligentes aplicados, utilizando recursos de as redes inteligentes (smartgrids, microgrids), aplicações em agricultura de precisão, controle de processos, otimização e aplicações diversas em inteligência computacional.

Previsão para a Primeira Turma

A previsão inicial é primeiro semestre de 2021*.
*Vamos acompanhando as orientações em relação à pandemia do novo coronavírus (COVID-19) e aguardando para termos uma definição.

Processo Seletivo

De acordo com a proposta aprovada pela Capes, o processo seletivo deve ser baseado na proposição de soluções para problemas reais, uma vez que o programa é de mestrado profissional.

Público-Alvo

O curso tem como público-alvo:

  • engenheiros e profissionais graduados que atuam em empresas do setor energético, minero-metalúrgico, agrícola, industrial, etc.;
  • profissionais que atuam no setor de prestação de serviços nos diversos segmentos da indústria, como empresas de consultoria, projetos e auditorias energéticas;
  • profissionais graduados nas áreas de engenharia, ciências exatas e da terra (matemática, estatística, física e computação), que atuam no âmbito acadêmico ou aplicado (indústrias e empresas);
  • alunos graduados em curso de ciências exatas, preferencialmente com formação nas engenharias de controle e automação, mecânica, elétrica, química, produção, mecatrônica, eletrônica e civil, além de física, química, matemática e computação.

Horário das Aulas

A definição dos horários das aulas será feita oportunamente pelo Colegiado do Curso. No entanto, a opção deve ser por um turno que atenda aos candidatos, sejam estes já inseridos ou não no mercado de trabalho.

Bolsas de Estudo

O curso é gratuito.O CEFET-MG, por meio da DPPG (Diretoria de Pesquisa e Pós-graduação) assumiu o compromisso de conceder 5 bolsas a cada novo programa recomendado pela Capes, utilizando recursos próprios. Novas fontes de financiamento poderão vir do setor produtivo e/ou de editais de fomento.

Corpo Docente

Prof. Dr. Alisson Marques da Silva – Permanente – http://lattes.cnpq.br/3856358583630209
Prof. Dr. Anderson Vagner Rocha  – Permanente – http://lattes.cnpq.br/4051613371477252
Prof. Dr. Ângelo Rocha de Oliveira – Permanente – http://lattes.cnpq.br/3401819655719801
Prof. Dr. Baltazar Jonas Ribeiro Morais – Permanente –  http://lattes.cnpq.br/6644827241366135
Profa. Dra. Gabriella Castro Barbosa Costa Dalpra  – Permanente – http://lattes.cnpq.br/8544922263187197
Prof. Dr. José Geraldo Ribeiro Júnior  – Permanente – http://lattes.cnpq.br/0150562858207849
Prof. Dr. Lindolpho Oliveira de Araújo Junior  – Colaborador – http://lattes.cnpq.br/1835449945133209
Profa. Dra. Olga Moraes Toledo – Permanente – http://lattes.cnpq.br/6005271919781916
Prof. Dr. Rodolfo Lacerda Valle – Permanente – http://lattes.cnpq.br/3841414572769164
Prof. Dr. Rodrigo Lacerda Sales – Colaborador – http://lattes.cnpq.br/7376326070609646
Prof. Dr. Thiago Magela Rodrigues Dias – Permanente – http://lattes.cnpq.br/4687858846001290

Coordenador do PPGAeS

Prof. Dr. José Geraldo Ribeiro Júnior  – junior@cefetmg.br